quarta-feira, abril 16, 2014


Conversando com o marido: 4 dicas para organizar suas finanças!

Alugar o vestido, organizar a festa, buffet, contratar música, decoração... Tudo isso é muito bonito – e também sai um pouco caro! Estar financeiramente organizado gera confiança e tranquilidade para, nesta hora, você realizar tudo o mais próximo do sonhado.

Então, continuando o post da semana passada, vamos dar quatro dicas para começar a organizar a vida financeira e conquistar os seus objetivos.

1 – Saiba quanto você ganha e quanto você gasta por mês. Para isso, tenha um registro. Na época em que estávamos construindo nossa casa, isso alguns meses antes do nosso casamento, eu cheguei a utilizar um livro caixa. Como todo dia tinha algum gasto com a construção, eu guardava todos os recibos e notas fiscais e à noite atualizava o nosso saldo. Com base nisso, nós decidíamos se dava para levar adiante a compra de algum item mais caro, ou se era melhor esperar mais algum tempo. Dessa forma, nós não contraímos dívidas que poderiam arruinar nosso planejamento. Hoje, utilizo uma planilha de Excel. Você mesmo pode fazer um controle básico e bastante útil nesse programa. Minha dica é que, nesse controle, faça uma previsão de pelo menos um ano, listando todas as receitas e todos os gastos recorrentes, além de reservas para gastos esporádicos. Com um controle assim, você pode programar quanto tempo precisará para guardar o dinheiro necessário para alugar aquela roupa desejada ou fazer a decoração do jeitinho que você sonhou. E também você tem uma visão a longo prazo da sua situação. Para quem não gosta muito de ficar fazendo contas, pode ser chato no começo, mas as vantagens são inúmeras e você não deve negligenciar esse planejamento.

Modelo de planilha para organização financeira doméstica:

2 – Cada um de nós sabe o quanto é difícil ganhar o nosso dinheirinho, não é mesmo? Então, se é tão difícil, porque vamos desperdiçá-lo? Para ter uma boa saúde financeira, é imprescindível gastar sempre menos do que se ganha! Sempre! Está gastando muito com transporte, combustível etc? Vá de bike. Quando for comprar algo para o casamento, tente negociar descontos para pagamento à vista. Se não houver desconto, o cartão de crédito – tão criticado por muitos – pode ser uma boa solução, principalmente se houver a possibilidade de parcelar sem juros. Além de que os programas de milhas que você acumula com as compras no cartão podem ajudar na lua de mel. Mas ao utilizar o cartão, nunca pague apenas a parcela mínima. Não pague juros, ao contrário, guarde uma reserva e deixe o dinheiro trabalhar para você. Está certo que a poupança quase não cobre a inflação, mas com o dinheiro disponível você pode "ganhar" dinheiro comprando à vista, por exemplo, com os descontos.


3 – Tenha um padrão de vida de acordo com a sua realidade financeira. Talvez o seu salário lhe permita financiar um carro zero quilômetro de R$ 40.000, que ao final de 48 meses vai virar R$ 57.000; mas você realmente precisa disso? Quem sabe uma bike já não resolve as necessidades de deslocamento? Se não, que tal um Uno 2009, comprado usado por R$ 17.000, e um pouco mais de folga para atender outras áreas da sua vida, como conquistar a casa própria ou até reunir dinheiro para um investimento ou negócio próprio? Tente manter os pés no chão e adequar o seu padrão de vida às suas condições.  Na hora de planejar o casamento isso faz a diferença. Talvez você tenha que convidar menos pessoas do que gostaria, ou terá que trocar a música ao vivo por uma música eletrônica; não precisa deixar de realizar o sonho, mas avalie até onde pode ir para que isso não prejudique sua qualidade de vida. Não tenha ou faça algo apenas para demonstrar algum "status": lembre-se de que a felicidade está nas coisas mais simples da vida.



4 – Para encerrar, uma dica aos noivos e maridos: quer mais sucesso profissional? Uma pesquisa mostrou que homens que beijam suas esposas ao se despedir, quando saem de casa, ganham salários maiores do que aqueles que não são tão carinhosos. Será que isso tem a ver com delicadeza, respeito e boa autoestima? Eu acho que sim. E sim, eu dou um beijinho na Pâm toda manhã e tarde, antes de ir trabalhar...



Força Sempre,

Anderson Ricardo.
10

10 comentários :

Giovana Souza disse...

Adorei o post de hj.. planejamento eh tudo mesmo! ! Pam... respondi sua tag lá no blog.. bjos

Fabiola Keffer disse...

Gostei do post, eu e marido também usamos uma planilha para nos organizar, beijos
FABIOLA KEFFER

Coisas da Lívia disse...

Adorei o post é bem isnto mesmo gastar menos do que se ganha!!

BEijos

Bell disse...

Adorei o resultado desta pesquisa, esposas imprimam e coloquem espalhadas pela casa.
Se quiserem ser bem sucedidos beije-me muito rs....
Acredito que as pessoas gastam mais do que ganham, por isso estão sempre com a corda no pescoço.


bjokas =)

Mirelly e Thiago disse...

Gente, adorei o post!!
Super a cara do meu noivo. Ele que organizou a parte financeira do nosso casamento.

bjs

http://blogaumpassodoaltar.blogspot.com.br/

Lorena Luiza disse...

Super bacana o post de hoje,eu sou super organizada na questão de finança,nussa chego a ser chata,fico cheia de planilha no meu celular,planilha de controle de gastos do casamento,planilha de pagamento,planilha de gastos pessoais..etc etc Isso é super útil para uma boa organização do nosso dinheiro..E quanto a útima dica: Minha avó e meu vô até hoje se despedem com beijinhos,haushaus acho maior estranho e lindinho ao mesmo tempo,eles tem 45 anos de casados e muitaaaaa coisa que passaram e mesmo depois das brigas continuam ai firme e forte..bjos

Thaís Martins disse...

Olá Pamela,
Sou noiva/estudante e acompanho seu blog =)
Pode me ajudar, respondendo um questionário pra faculdade que tem foco em noivas e recém-casadas?

http://www.survio.com/survey/d/V2B3T0K4D3N9M9S8A

Obrigada!
Beijos

Pâmela Suélen Padilha Schörner disse...

Oi Thais já respondi!!!
Se quiser posso fazer um post divulgando se quiser mandar um texto é só mandar pra:
casaroubike@gmail.com

Leticia disse...

Ahh gostei das dicas. Não sou casada oficialmente, mas moro junto e sei que é preciso sentar e organizar tudo.
Gostei da tabelinha, dá até para acrescentar algumas outras opções de gasto.
Ah e é claro os maridinhos devem dar beijinho em suas esposas ao saírem para trabalhar. Eu sempre ganho um, só o salário que precisava ser maior..hehe

beijos
feitoamaobyleticia.blogspot.com.br

Elaine Faustino disse...

Adorei o post. Acho fundamental organização e planejamento das finanças. Antes eu e meu noivo achávamos que não tinha como custear nosso. Quando listamos nossos gastos, vimos o quanto de dinheiro era gasto com besteiras. Desde então controlamos os gastos com rigidez, foi difícil mas hoje já nos acostumamos e temos como planejar sem angústia tudo. Priorizamos nossas necessidades e mantemos nosso foco sempre.

Postar um comentário

Que bom que você esta aqui!!! Muito Obrigada pela visita, seu comentário é muito importante, deixe seu recadinho, dica ou sugestão...
Se preferir envie um e-mail vou adorar conversar com você: casaroubike@gmail.com

Quer Participar?

Você tem alguma dúvida, sugestão?
Quer mandar fotos dos DIY que você fez no seu casamento?
Quer contar como foi sua e-session, first look, seu casamento, seu trash the dress?

Então mande fotos e seu relato para publicarmos para o e-mail: casaroubike@gmail.com .


Recomendo !